A luz intensa

Pedro Adão e Silva
Pedro Adão e Silva Professor Universitário

Bolas de papel

Se tiver de escolher a maior injustiça do Benfica dos últimos anos, não hesito: Aimar não teve uma despedida condigna. Pode soar estranho. Afinal o argentino aproximava-se do fim da carreira e saiu a bem do clube. Mais, se olharmos para as estatísticas, o mago argentino acabou por não ter uma passagem muito frutuosa: cinco temporadas atormentadas por lesões, 178 jogos e uns parcos 17 golos.

Escrito assim, o pecúlio parece magro. Mas o futebol não é lugar para análises custo-benefício e eu já vi o suficiente na Luz para saber que, no meio de burocratas da bola, Aimar garantia a ruptura com o futebol administrativo que, hoje, nos oferecem em excesso. Na ideia que tenho do Benfica, as vitórias são feitas de golos e avalanches atacantes, mas também de últimos passes líricos. Ora, entre organização coletiva, processos de jogo e outros exercícios técnico-táticos, Aimar esteve sempre lá para mostrar que outro mundo futebolístico continua a ser possível.

Recordei-me disto ao ver uma fotografia de promoção ao livro 'Pelota de Papel'. Um conjunto de contos, escritos por futebolistas, para recuperar a memória infantil de imaginar jogos de futebol disputados com folhas de papel amarrotadas pelo estudo. Na foto, El Payaso, autor de um dos contos, veste uma t-shirt dos New Order e empunha uma bola de papel na mão. Era a ligação que me faltava. Aimar é a memória do porquê nos enamorámos pelo futebol: com ele em campo, voltámos a ser crianças que sonham com bolas de papel. É altura de o convidarmos para a volta de honra que não teve na Luz.

1
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0