Inquérito El País/Revista Record: Messi é o melhor de 2015

Votação costuma antecipar os resultados da FIFA

• Foto: Reuters

Como é tradição, o jornal uruguaio ‘El Pais’, através do seu suplemento desportivo ‘Ovación’, organizou a eleição para os melhores de 2015 no futebol, uma iniciativa que já vai na sua 30.ª edição (25.ª referente à Europa). Nesta, participaram 426 jornalistas desportivos de todo o Mundo, dos quais 120 europeus, incluindo o da ‘Revista Record’, naquele que é uma espécie de indicador para os resultados da ‘Bola de Ouro’, que só amanhã são conhecidos.

Segundo este prenúncio, Lionel Messi deverá voltar a erguer o troféu da FIFA – seria o 5.º para o argentino –, uma vez que venceu destacado o prémio do periódico sul-americano, que só falhou o ‘prognóstico’ por sete vezes (em 25) desde o seu início [ver quadro ao lado].

No inquérito referente a 2015, o craque do Barça recolheu 72 votos, mais 52 (!) do que o segundo classificado, o companheiro de equipa Neymar, e mais 61 do que Cristiano Ronaldo e Luis Suárez, empatados no terceiro posto, com 11 pontos.

Pintado de blaugrana

De salientar que o Barcelona, campeão da Europa e do Mundo, é o grande vencedor do inquérito de ‘El Pais’, pois viu ainda o seu treinador Luis Enrique arrecadar o prémio para o melhor técnico do ano, com 74 pontos, à frente do compatriota Pep Guardiola (27) – Mourinho recolheu apenas um voto, enquanto Simeone, vencedor em 2014, teve 3.

Ronaldo sem lugar

A seleção ideal da Europa
Na votação para o ‘melhor onze’, o domínio catalão mantém-se, dado que os blaugrana colocaram seis dos seus jogadores na equipa do ano – Messi, Neymar, Suárez, Iniesta, Busquets e Piqué –, havendo a curiosidade de Cristiano Ronaldo não conseguir entrar no ataque, superado que foi pelo trio ‘MSN’ do Barcelona. Insólito, mas talvez um prenúncio de que as coisas não vão correr bem para a estrela do Real Madrid, amanhã, na gala da ‘Bola de Ouro’, em Zurique.

Refira-se que o Bayern Munique também está bem representado neste ‘onze’ com Neuer, Lahm e Alaba.

Argentina Olé

A Argentina domina as votações americanas. O vencedor nos futebolistas, Carlos Sánchez, até é uruguaio, mas deve o triunfo às exibições no River Plate. Nos técnicos, levou a melhor o argentino Jorge Sampaoli, que levou o Chile a vencer a Copa América.

Jesus e Gaitán figuras da Liga

O uruguaio "El Pais" também quis saber quem foram os melhores do ano em algumas das ligas nacionais europeias, incluindo Portugal e os denominados ‘big five’ (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália). No nosso país, Jorge Jesus arrecadou, sem surpresa, o galardão de melhor treinador de 2015, graças ao bicampeonato pelo Benfica e à Supertaça ganha já no Sporting. Gaitán foi eleito o futebolista da 1.ª Liga e o Benfica a melhor equipa portuguesa do ano que passou.

Por Luís Milhano
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Revista R

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.