Casquinha: «Mourinho dava força ao Vilafranquense»

revelação sui generis no encontro com o fc porto

Secretário e Casquinha cumprimentam-se antes do apito inicial.
Casquinha: «Mourinho dava força ao Vilafranquense» • Foto: Manuel Araújo

José Mourinho é capaz de tudo para ajudar os seus homens e a sua equipa e ninguém duvidará de tal premissa. A revelação é de Cláudio Casquinha, capitão do Vilafranquense no último jogo dos ribatejanos contra um grande do futebol português, contradiz a "ordem normal das coisas". O "respeito" demonstrado pelo agora treinador do Chelsea não foi esquecido por quem presenciou in loco as incidências do encontro.

"Mourinho deu-me os parabéns e disse-me ‘bom jogo capitão’ que na altura era eu. Na primeira parte estive a jogar do lado dos bancos, do lado dele, e mesmo num jogo que à partida seria mais fácil, Mourinho estava muito interventivo e sempre a puxar pelos seus jogadores. Qualquer jogo, para ele, dá ideia que é sempre para ganhar, não importa o adversário. Estava ali muito ao pé do banco do FC Porto e percebia que era respeitador e dava força ao adversário. Não sei se por se tratar de uma equipa da II Divisão B mas tinha comentários bastantes afetuosos para nós. O Mourinho respeitou e tratou-nos com muita elevação", relata o antigo avançado a Record, titular no FC Porto-Vilafranquense (4-0) da terceira eliminatória da Taça de Portugal de 2003/04.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Taça de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.