Jorge Jesus rejeita luta de egos no Flamengo: «Isso é conversa da treta»

Treinador conduziu Flamengo a mais um troféu e soma já quatro ao serviço do Mengão

A carregar o vídeo ...
Tiki taka do Flamengo: o golaço que deu mais um troféu a Jorge Jesus

Aí vão quatro troféus! Jorge Jesus conduziu o Flamengo à conquista da Taça Guanabara, juntando-a a Taça Libertadores, Brasileirão e Supertaça do Brasil. O Boavista-RJ vendeu cara a derrota (1-2) no Maracanã e valorizou o êxito do Mengão (JJ poupou quase toda a equipa titular), que irá começar amanhã a preparar a 2ª mão da Supertaça Sul-Americana, diante do Independiente del Valle, na quinta-feira.

O Boavista-RJ surpreendeu ao colocar-se em vantagem por Jean (6’). Um tiro indefensável na cobrança de um livre direto na quina da área. Diego (44’) nivelou a balança após um canto. Vitinho colocou a bola na zona frontal da área, o médio parou-a com o peito e disparou. A bola bateu num adversário e... chapéu ao guarda-redes Klever! Naquele que constituiu o jogo 300 da sua carreira, o inevitável Gabigol (82’) operou a ‘virada’ numa jogada a fazer lembrar o tiki-taka do Barcelona de Guardiola. Que bela assistência de letra de Pedro! A preocupação terminou quando os craques abriram o livro!

Jorge Jesus 'cansado' de festejar tantos títulos: a reação quando o Flamengo levantou a taça
Jorge Jesus não entrou em euforia. "Quem ganhou a Taça Guanabara não fomos só nós. Foi também o plantel de sub-23, que cumpriu a primeira parte da prova. Vou oferecer-lhes a minha medalha de vencedor. Não costumo fazer tantas alterações na equipa, mas o jogo no Equador provocou-nos um enorme desgaste. Havia o risco de lesões e preferi não o correr", salientou o treinador do Fla.

O técnico luso desmentiu a existência de um problema de vedetismo (alguma imprensa falou numa luta de egos) no plantel. "Não há uma guerra de vaidade na equipa. Sou um treinador muito experiente não só no jogo, mas também fora do jogo. Estas conversas, para mim, não têm cabimento. Se estivesse em Portugal diria que essa é uma conversa da ‘treta’. Este domingo dou folga ao grupo. Há que comemorar o Carnaval, claro! Estão todos liberados, podem fazer o que quiserem. Mas na segunda-feira acaba o Carnaval!", frisou Jorge Jesus. 


Um Gabigol que parecia ter mais 30 anos em cima não largava Jorge Jesus nos festejos

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Brasil

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.