Santiago Bernabéu ressente-se da saída de Ronaldo do Real Madrid

Média de assistência no estádio baixou significativamente

Cristiano Ronaldo deixou o Real Madrid no verão e apesar de muitos afirmarem que o clube não ia ressentir-se da saída do internacional português os factos demonstram que a história não é bem assim.

A nível desportivo, a formação merengue atravessou uma crise no início da temporada, com Julen Lopetegui a ser despedido poucos meses depois de ter assumido o comando técnico do Real Madrid, sendo substituído por Solari. Os resultados melhoraram mas a 'crise' que se estendeu às bancadas do Bernabéu ainda se sente.

De acordo com os dados publicados pelo 'As' este domingo, a média de assistência no estádio do Real Madrid caiu significativamente - desde o início da temporada, registou em média menos 5.509 espetadores; quase menos 11 mil pessoas nos jogos da Liga dos Campeões -, com a publicação espanhola a referir que uma das causas para a diminuição dos espetadores é já não estar Ronaldo, que representou a formação merengue nove temporadas. 

Segundo o 'As', o Real Madrid começou a Liga contra o Getafe (2-0), com uma assistência de 48.466 espectadores, "a mais baixa do Santiago Bernabéu desde 24 de maio de 2009... precisamente o último jogo do Real Madrid em casa antes de Cristiano Ronaldo assinar" pelo clube merengue.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Espanha

Notícias

Notícias Mais Vistas