Paris SG nega acordo com Messi após 'tweet' bombástico

Em causa a publicação nas redes sociais de um dos membros da família Al Thani, que detém o clube francês

• Foto: Reuters
O Paris SG negou este sábado que tenha chegado a acordo para a contratação de Messi, na sequência do que apontava um 'tweet' de Khalifah Bin Hamad Al Thani, um dos membros da família do emir do Qatar que comprou o clube francês em 2011. Citado pelo 'Goal', o departamento de comunicação dos parisienses referiur que as alegações de que já haja acordo são "falsas", confirmando que "não há nenhum entendimento entre o clube e os representantes de Messi".

Na publicação, recorde-se, o meio-irmão do dono do PSG colocou uma foto de La Pulga com a camisola do Paris SG, referindo na legenda que estava tudo feito. "As negociações estão oficialmente concluídas. O anúncio será feito mais tarde", podia ler-se no 'tweet', que antecedeu um outro, no qual Khalifah Bin Hamad Al Thani partilhou uma foto do argentino com Segio Ramos.

Apesar destas divergências, o Parque dos Príncipes parece continuar a ser o destino mais provável para o avançado, que se pode juntar a Neymar, seu ex-companheiro no Barcelona, e a Kylian Mbappé. O 'L'Equipe' já fala mesmo num acordo em cima da mesa, que valerá ao argentino um vínculo de três épocas, com um salário anual de 40 milhões de euros.

Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de PSG

O super PSG: prometo amar-te e conquistar-te

A Liga dos Campeões é uma espécie de obsessão para o PSG. Todos o admitem, mesmo que não assumam a pressão. E depois de uma final perdida, em 2020, quando é que será realidade?

Notícias

Notícias Mais Vistas