«Não somos maricas»: Verstappen e o regresso às provas depois do acidente de Grosjean

Holandês usa expressão polémica para explicar que "infelizmente os acidentes acontecem"

• Foto: EPA

Max Verstappen mostrou-se impressionado com o acidente de Romain Grosjean no GP Bahrein, no último domingo, mas diz que a vida tem de seguir em frente. Numa entrevista ao canal de desporto holandês 'Ziggo Sport' usou uma expressão que está a causar polémica...

Quando lhe perguntaram se o acidente o fez repensar a presença na F1, o piloto reagiu de forma enérgica. "Não! Claro que não é algo agradável, foi uma batida enorme. Nunca esperamos que isto aconteça, mas o perigo está nos detalhes. Vá lá, não somos maricas! Infelizmente os acidentes acontecem, mas não entendo quem diz 'não posso pilotar mais'."

No dia do acidente, Verstappen recorda que o "regresso às boxes foi o pior momento". "Nós vimos aquelas chamas e não sabíamos o que tinha acontecido, se ele ainda estava no carro. Depois, vimos a imagem dele a sair do carro..."

Depois da pausa - para a pista ser limpa - os pilotos voltaram à corrida, algo que Verstappen considerou normal. O homem da Red Bull disse mesmo que se fosse chefe de uma equipa e um piloto se recusasse a voltar a correr depois de um acidente, que o despedia...

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fórmula 1

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.