Fernando Santos e o gesto de Ronaldo: «Ninguém diz que é bonito, mas pôr em causa se vai ser capitão?»

Selecionador nacional comentado 'caso da braçadeira"

Fernando Santos garantiu esta segunda-feira que Cristiano Ronaldo vai continuar a ser o capitão da Seleção Nacional, depois do polémico episódio no encontro com a Sérvia em que CR7 atirou a braçadeira para o chão ao ver um golo não validado pela equipa de arbitragem em período de descontos.

"Vai manter [a braçadeira]. Enquanto Cristiano, que é um exemplo nacional, e até os mais novos o dizem, se tivesse ofendido o selecionador, os colegas ou a federação, aí sim, teríamos de pensar. Não aconteceu nada disto. O que aconteceu foi um momento de grande frustração que me podia ter acontecido a mim. Frustração de alguém que quer ganhar sempre, que dá tudo pela seleção. Vê uma bola dentro da baliza e dizem que não é golo? Foi interessante? Não foi. Mas ele escreveu um post passados 10 minutos. Naquele momento de frustração? Aconteceu-lhe a ele, podia ter sido a outro. Ninguém diz que é bonito, mas pôr em causa se vai ser o capitão? Houve um jogo que deixei de contar com ele, atirou a camisola para o chão, não foi isso que o Cristiano fez, foi uma atitude... foi o primeiro a reconhecer que não devia ter feito. Capitão vai ser de certeza", afirmou Fernando Santos, na antevisão ao jogo de amanhã com o Luxemburgo.

Por Record
24
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2022

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.