Fernando Santos: «Último jogo do grupo vai ser decisivo»

Reação do selecionador nacional à goleada (5-0) sobre o Luxemburgo

• Foto: Lusa/EPA

A goleada ao Luxemburgo permite a Portugal continuar a depender de si mesmo para estar no Mundial do Qatar. A Seleção Nacional está no 2º lugar do Grupo A, com 16 pontos, menos 1 do que a líder Sérvia. Mas os sérvios, que hoje bateram o Azerbaijão, por 3-1, têm mais um jogo disputado do que Portugal e as duas seleções vão defrontar-se... na última jornada. Duelo que na opinião Fernando Santos "vai ser decisivo".

"O último jogo do grupo vai ser decisivo, em qualquer circunstância. Mesmo se ganharmos o próximo [n.d.r.: na Irlanda, a 11 de novembro], a única coisa é que passamos a depender de dois resultados para a Sérvia. Mas não podemos pensar assim. Nenhuma equipa está fora antes do último jogo", afirmou o selecionador nacional, em declarações à RTP 3.

Relativamente ao triunfo 'gordo' sobre o Luxemburgo, Fernando Santos mostrou-se satisfeito mas deixou reparos. "Estivemos muito bem até aos 25 minutos. Depois passámos a jogar muito à pressa. Em vez de ser depressa, como estávamos a fazer, com um dois toques, mas com segurança. Começámos a quer chegar lá muito rápido. Isso ficou a dever-se a termos marcado mais golos na primeira parte. Permitimos que o Luxemburgo tivesse mais bola. Depois melhorámos na segunda parte, entrámos muito bem outra vez. Sempre que estivemos equilibrados e organizados criámos ocasiões. O Luxemburgo é uma equipa que gosta de jogar e queria jogar mas nós não permitimos", analisou o treinador português.

Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2022

Notícias

Notícias Mais Vistas