Uma mão cheia para a história

Messi conquistou a sua 5.ª Bola de Ouro e reforçou um legado incrível

Messi em 2015, 2012, 2011, 2010 e 2009, as edições da Bola de Ouro que conquistou
Índice

Lionel Messi conquistou esta segunda-feira a sua 5.ª Bola de Ouro, terminando à frente de Cristiano Ronaldo (2.º) e Neymar (3.ª). O craque do Barcelona cimentou, assim, a liderança nesta "guerra" de melhores dos melhores, pois as cinco distinções são um feito que mais ninguém, na história do futebol, conseguiu - nem quatro, aliás. Sendo certo que nomes como Pelé e Maradona não eram, no seu tempo, elegíveis na escolha da France Football (resumia-se a europeus até 1995), nem isso pode retirar mérito a Messi pela mão cheia de troféus que já leva e que constituem um marco nos livros deste desporto.

Depois das ameaças em 2007 e 2008, o internacional argentino foi eleito melhor do Mundo pela primeira vez em 2009, partindo para quatro troféus seguidos. Entre 2009 e 2012, ninguém ousou quebrar o seu reinado. E depois de Cristiano Ronaldo bisar, eis que Messi ressurge para a quinta, fugindo ainda mais ao português mas também a Cruyff, Platini e Van Basten (todos com três).

Dinastia

Presente no pódio há nove edições seguidas, Messi vem dominando, juntamente com Cristiano Ronaldo, a última década do futebol. E quem retira dividendos dos "triunfos" de Messi é o Barcelona, que consolida o primeiro lugar entre as equipas que mais Bolas de Ouro tem (11). Às cinco de Messi juntam-se as duas de Johan Cruyff e ainda as de Luis Suárez, Ronaldinho, Rivaldo e Stoichkov. Juventus, Real Madrid e AC Milan seguem com oito Bolas de Ouro cada.

Aos 28 anos, e depois de um 2015 com cinco títulos pelo Barcelona e 52 golos em 61 jogos - inferior a Cristiano Ronaldo neste parâmetro -, o argentino promete não ficar por aqui, deixando claro que há mais história para escrever.

Por João Socorro Viegas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas